quarta-feira, 18 de abril de 2012

i.

Gostava de continuar a orgulhar-me de tudo, gostava de continuar a proteger-te, gostava de continuar a cuidar de ti. Sei que possivelmente já nem ligas a metade do que digo, ou melhor, dizemos... Sabes que a R. pensa o mesmo que eu. Sabes que és a nossa irmã e que te dizemos tudo o que pensamos, mesmo que isso implique dizer algo que não gostes de ouvir. 
Sempre te ajudámos, não podes dizer o contrário, pois estivemos contigo quando mais ninguém teve. Rimos juntas mas também chorámos juntas. Tenho pena, mas por este andar, tudo o que existia que as três fomos construindo, vai ruir. 

Agora não dás importância às nossas palavras, mas quando menos esperares já pode ser tarde para recuperares aquilo a que reduzis-te o valor. Espero que te divirtas muito, tal como desejas. Que sejas feliz, sabes que é tudo o que quero para ti. 
Adoro-te sis, sabes bem. 

2 comentários :

  1. Estou a participar num concurso de escrita ,ajuda-me a ganhar,clica gosto nesta página:
    http://www.facebook.com/pages/O-primeiro-passo-para-a-concretiza%C3%A7%C3%A3o-de-um-sonho/264167150294532

    e para votar clica gosto neste link onde se encontra o meu texto:
    http://www.facebook.com/photo.php?fbid=382896348421611&set=a.382786995099213.91159.264167150294532&type=3&theater

    Isto é muito importante para mim,ajuda-me ,conto contigo!

    ResponderEliminar