segunda-feira, 12 de março de 2012

5 anos outra vez

Sabiam que os patos grasnam? É estranho. Grasnam. Grasnam. Grasnam. Que palavras mais complicada de entender. Eu hoje vi um pato e até lhe pude tocar! Não é fixe? A minha mãe disse que não fazia mal mas que o patinho podia ter medo. Não sei porquê, eu é que tenho um bocadinho de medo dele. Eu disse que ele estava a falar, mas a mãe corrigiu com granar. Grasnar. A palavra estranha e nova, ao mesmo tempo.
Afinal tenho cinco anos ainda, a minha mãe diz que tenho de esperar algum tempo para ter seis. Não sei se amanhã já tenho, mas se calhar ainda não passou algum tempo. Quando tiver seis já vou ser crescido. Agora sou pequenino.
Estive a brincar com os cubos, mas um foi para baixo da cama e não consegui tirar. Fui buscar a vassoura e tirei o cubo com ela. Montei uma torre do tamanho de um gigante, foi até ao céu, mas caiu quando me meti em cima do tapete a fazer de nadador salvador. Salvei o capitão coelho fofo que estava em cima da cama que era um mar muito forte e mau.
Agora vou ver desenhos animados, a mãe diz que posso. Hoje quero ver uns mais interessantes, gostava que tivessem um pato como o que eu vi, que grasnava.

Sem comentários :

Enviar um comentário