quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

PAREM

Bolas começo a ficar farta. Quero o meu espaço. Posso? Tenho direito a isso ou não? Porque é que não me deixam uns minutos a sós? Porque é que querem tanto falar comigo? Mudei assim tanto foi? Parece que sim...
Antes era uma mera miúda, inútil, quase inexistente, e agora de um momento para o outro apareci e lembraram-se todos de comunicar comigo. Devo ser tipo uma rádio, só pode. Enganam-se se pensaram que eu estaria disposta a aturar cenas durante muito tempo. Não tenho nem tempo nem paciência para isto. Nunca disse que era uma daquelas pessoas a quem podem chamar de "perfeitas" pois não? Então pronto. Fico-me pelas minhas imperfeições e chega-me bem.  Preciso de respirar, não sei o que é isso à algum tempo.
Estar acompanhada é bom mas às vezes é demais. Amigos irão perceber e comunicar de forma normal, conhecidos irão comentar, perguntar, espernear, gritar, interrogar, espalhar e sobrecarregar ainda mais.
«Para bom entendedor meia palavra basta.»

Sem comentários :

Enviar um comentário